Novas ferramentas do Instagram incentivam combate ao bullying virtual

As redes sociais digitais, como o Instagram, são um ambiente de comunicação e interação entre usuários, que visa a aproximação entre pessoas, através do compartilhamento de fotos, vídeos e mensagens.

No entanto, ainda é comum ver casos em que pessoas utilizam desses espaços para a prática de bullying virtual, principalmente envolvendo pessoas mais jovens, como os adolescentes.

Uma mão segurando um celular, que mostra a logo do aplicativo Instagram.
Fonte: Thecnosystem

Tendo em vista esses casos, o Instagram desenvolveu ações de combate a essa prática, que pretendem não somente evitar ou denunciar tais atos, como também incentivar interações mais gentis entre os usuários. 

Deste modo, nesta terça-feira (9), a empresa lançou um recurso que permite que o usuário reflita sobre o comentário que pretende fazer na publicação de outra pessoa, perguntando se ele tem certeza de que deseja mesmo postar isso.

Como funciona a nova função 

A ferramenta funcionará através de inteligência artificial, baseada em um banco de dados dos comentários denunciados na plataforma. Assim, ela reconhecerá se o comentário em questão é parecido com algo que já foi identificado como inapropriado pelos usuários, e então enviará a notificaçãoTem certeza que quer publicar isso? Entenda.

Ao clicar no “Entenda” a seguinte mensagem aparece para a pessoa: Estamos pedindo para os usuários repensaram comentários parecidos com outros que foram notificados como inapropriados”.

Apesar de não evitar que o usuário publique o comentário, o Instagram afirma que a ferramenta tem o objetivo de fazer com que a pessoa repense o conteúdo do que escreveu.

Testes realizados anteriormente mostraram que a medida, na maioria das vezes, fazem os usuários desistirem de postar a mensagem ofensiva, evitando uma possível situação de bullying.

A medida está sendo lançada, primeiramente, para os usuários que falam inglês, mas a previsão é de que, em breve, seja disponibilizada para pessoas de todo o mundo.

Ainda na tentativa de prevenir situações de bullying na plataforma, está sendo desenvolvida uma outra ferramenta chamada “Restringir”, que permite que o usuário filtre os comentários abusivos e restrinja pessoas que os postaram em sua conta. 

O recurso fará com que todos os comentários desse usuário não pareçam mais nas publicações da pessoa atingida, ficando visível apenas para eles dois. A pessoa restrita também não poderá visualizar se o outro está ativo na plataforma, ou se as suas mensagens diretas foram visualizadas.

As ações de combate ao bullying não são novidade na plataforma. Algumas já estão presentes há um tempo, como é o caso do filtro de comentários de bullying, que agora passa a funcionar também nos comentários de transmissões de vídeo ao vivo (Live), além do feed, do perfil e da aba explorar.

“Esses esforços contra o bullying na plataforma surgiram depois de alguns casos que chamaram a atenção da população, nos quais adolescentes vítimas das agressões virtuais chegaram a cometer suicídio”, relata o diretor-executivo do Instagram, Adam Mosseri.

Adam Mosseri também afirmou, em uma postagem no blog oficial da plataforma, que a empresa pode fazer mais para prevenir o bullying online e, para isso, tem feito cada vez mais esforços a fim de evitar tais situações, que violam as diretrizes da comunidade. 

O diretor ainda ressaltou que “Essas ferramentas são baseadas em uma compreensão profunda sobre como as pessoas atacam umas às outras e sobre como elas respondem ao bullying no Instagram, mas elas são apenas pequenos passos em um longo caminho”.

Então, curtiu a novidade? Já passou por alguma situação desagradável nas redes sociais? Deixe sua opinião nos comentários, para que os leitores saibam o que você pensa sobre o assunto!

Written by 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *